Grande Plano 

Grande Plano 

 

Greta Garbo

 

 

A maravilha das maravilhas era o grande plano. Não mudei de opinião. Sobretudo, os grandes planos de mulheres. Alguns grandes planos de Lilian Gish, outros de Mary Pickford, mais tarde de Greta Garbo, ficaram-me sempre na memória. A ampliação permite saborear o grão da pele. (…) O meu gozo com os grandes planos é tão grande que já me aconteceu meter nos meus filmes sequências perfeitamente inúteis para a acção, só porque me dão a possibilidade dum belo grande plano.
Jean Renoir (1894-1979)